top of page

NOTA POLÍTICA - APOIO INCONDICIONAL À GREVE DOS MUNICIPÁRIOS EM FLORIANÓPOLIS (SC), 5 DE JUNHO 2023

NOTA POLÍTICA


APOIO INCONDICIONAL À GREVE DOS MUNICIPÁRIOS EM FLORIANÓPOLIS (SC), 5 DE JUNHO DE 2023


Fonte da Imagem: SINTRASEM, 2023.



O Coletivo Emancipação Socialista (CESO) vem expressar seu apoio integral e irrestrito à greve dos trabalhadores da Prefeitura Municipal de Florianópolis (SC), que se iniciou no dia 31 de maio de 2023, bem como sua solidariedade frente às escabrosas medidas de coerção e criminalização da Prefeitura de Topázio Neto.

Enquanto escrevemos estas palavras, testemunhamos a criminalização da greve por parte de uma gestão municipal que se mostra insensível aos anseios legítimos dos servidores. Esta greve, que ocorre como a última alternativa, diante da absoluta recusa do governo em reunir-se e negociar com os trabalhadores. A imposição de afrontosas multas diárias, cortes de salários, ameaça de demissão dos grevistas e até de prisões de sindicalistas, são medidas inequívocas que demonstram como o governo Topázio adentrou numa escalada autoritária, anti-trabalhista e antissindical. É inadmissível que essas táticas sejam utilizadas contra aqueles que lutam pelos direitos que lhes são devidos e pela qualidade dos serviços públicos que pertencem a todos nós.

Os servidores municipais travam uma batalha legítima pelo pagamento do piso salarial das auxiliares de sala, que já está na Lei, mas é descumprido pela Prefeitura com a conivência dos poderes judiciário e legislativo. Lutam também pela justa reposição salarial diante da crise inflacionária que todos nós sentimos e, sobretudo, se coloca hoje como exemplo valoroso da luta em prol dos concursos públicos, da reposição de servidores e contra a nefasta terceirização dos serviços por meio de organizações sociais (OSS).

Essa forma de gestão tem sido amplamente denunciada pelos inúmeros casos de fraudes e pela precarização dos salários e direitos dos trabalhadores, além de comprometer o atendimento à população. Os exemplos de outras cidades demonstram como aumentam de forma desumana o tempo de espera nos hospitais e unidades de saúde, esvaziam as farmácias populares e a distribuição de medicamentos, precarizam as escolas, o saneamento, a cultura e os demais equipamentos urbanos. Tudo isso em favor do lucro de alguns empresários e da eleição de outros!

O desmonte dos serviços públicos, a terceirização desenfreada e as práticas de violência anti-sindical promovidas pela gestão municipal são um insulto à dignidade dos trabalhadores e um ataque à vida da população de Florianópolis. Não podemos ficar em silêncio diante dessa injustiça.

Nosso manifesto vai além das palavras. Exigimos, de forma veemente, que o governo Topázio Neto abra imediatamente uma mesa de negociação com os representantes dos trabalhadores. É fundamental que todas as ameaças e tentativas de punição sejam retiradas, para que a greve possa prosseguir como um instrumento legítimo de luta por direitos.

Acreditamos na força do povo de Florianópolis. Juntos, podemos mostrar que não aceitaremos a precarização do serviço público, que não permitiremos que os trabalhadores sejam tratados como peças descartáveis em um jogo de interesses mesquinhos. É hora de nos unirmos em solidariedade e em defesa de um futuro melhor para todos.

Ao prefeito Topázio Neto, são nossos hospitais, nossas unidades de saúde, nossas escolas, nossa cidade! O senhor não é senão nosso preposto da vontade coletiva dos cidadãos de Florianópolis na função que ocupa nesta prefeitura. Portanto: não pedimos, ordenamos! Interrompa imediatamente sua postura intransigente, arrogante e soberba e ponha-se na mesa de negociação com os trabalhadores em greve ou o senhor verá avolumar-se como jamais o apoio ao movimento paredista, crescerem as manifestações de rua e será punido irremediavelmente nas urnas.

Às trabalhadoras e aos trabalhadores municipais de Florianópolis, manifestamos nosso profundo respeito, admiração e solidariedade. Sabemos que sua luta é justa e necessária. Nós os apoiamos e nos colocamos ao lado de vocês nesta batalha. Nesta hora difícil, vocês são a vanguarda da classe trabalhadora de nossa cidade. Sua greve não é apenas uma batalha local, mas faz parte da luta geral em defesa de todos os trabalhadores, públicos e privados. Sua coragem e determinação devem ser fonte inesgotável de inspiração não apenas para aqueles que estão próximos, mas também aos demais trabalhadores que estão se levantando do chão. Não se deixem abater pelas ameaças. Sigam firmes em sua greve, unidos e determinados.

À população de Florianópolis, pedimos compreensão e apoio. A greve é acima de tudo um apelo orgulhoso em favor de todos nós. Unamos nossas vozes e nossas forças em prol da valorização dos trabalhadores e do serviço público de qualidade para todos, sem distinções de classes sociais.

Juntos, somos uma força imbatível! Que este manifesto ecoe em cada canto de nossa cidade, inspirando solidariedade e direcionando nossos anseios por justiça e igualdade contra aqueles que são verdadeiramente nossos inimigos.

Florianópolis (SC, Brasil), 5 de junho de 2023.

Coletivo Emancipação Socialista (CESO)


102 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page